Corte, tingimento, hidratação e a alimentação influenciam na aparência. Cuidar dos cabelos é importante para qualquer mulher, mas não ter muito trabalho ao fazê-lo é um sonho. Por isso, assumir os cachos é sempre uma opção melhor do que perder tempo alisando os fios. Cabelo de verão tem que ser o mais natural possível, livre, leve e solto, deixando qualquer mulher mais bonita e descolada.

 

Em tempos de cabelos chapados, em que as celebridades que ditam a beleza só aparecem com cachos durante as férias ou se forem feitos com baby liss, manter o cabelo cacheado é destacar-se da multidão. “Os cachos rejuvenescem, tiram a atenção das rugas e dão um ar descontraído à mulher”, diz Viviane Siqueira, hairstylist do Pierre Louis Coiffeur. Eles podem se tornar também a marca registrada de uma mulher, mas para mantê-los bem tratados é preciso muito cuidado. “A estrutura do cabelo cacheado é mais frágil e por isso os fios acabam quebrando e embaraçando mais”, conta Viviane.

Mas cachos não significam frizz e, por isso, é fundamental hidratá-los. “É fundamental usar leave-in diariamente para definir os cachos e acabar com o frizz, ajudando a reduzir o volume e moldar os cabelos”, ensina a hairstylist. Óleos hidratantes também ajudam a evitar o ressecamento, mas uma hidratação caseira semanal e a reconstrução mensal no salão também não devem ser descartadas. Uma alimentação saudável também ajuda a os mantê-los mais bonitos, por isso capriche na dieta. Naquele mês que você quer que eles estejam especialmente bonitos, coma bastante proteína e grãos integrais.

 

O corte também faz toda a diferença. Um cabelo cacheado precisa de movimento e pode ser usado curto, longo ou na altura dos ombros, basta definir se você os quer mais ou menos armados. “Cortes em V ou em U e os curtos com franja são os mais indicados para o os crespos”, indica o cabeleireiro Kadu Cesário. Outra dica é nunca usar a navalha nos fios enrolados. “Cabelos crespos só devem ser cortados com tesoura, pois ela não deixa o aspecto quebradiço que a navalha geralmente dá”, explica Kadu.

 

Mais finos e porosos, portanto, mais sensíveis, os fios cacheados também precisam de cuidado redobrado na hora de serem tingidos. Quanto menos química for usada neste tipo de cabelo, melhor. E, para evitar que quebrem, na hora de pentear lembre-se: só enquanto estiverem molhados. “Quando se penteia os cabelos crespos secos, eles perdem a forma, ficam volumosos e sem definição, ou seja, desastre!”, alerta Viviane.

 

Fonte: gnt.globo.com